segunda-feira, 22 de setembro de 2014

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Comer pão engorda ?




Ao contrário do que a indústria da dieta diz, o pão não é o mau personificado.

Não há um único tipo de alimento que é mau. O pão não tem propriedades mágicas que irão arruinar a sua vida e destruir o seu corpo.

Apesar de todas as dietas afirmarem “pão e macarrão engordam”, e “ coma alimentos baixo teor de gordura, sem glúten, beba somente água”

Isto não é realmente necessário para ter um corpo saudável.

Basta olhar para os franceses, aqueles “loucos” comem croissants, chocolate, manteiga, pão, vinho , etc, mas são magros. O segredo é que eles simplesmente sabem equilibrar a ingestão dos alimentos, assim podem desfrutar dos prazeres da vida e ao mesmo tempo comer coisas saudáveis.

Nossa cultura prefere abominar o pão e a massa ao invés de tentar aproveitar um pedacinho sem qualquer culpa.

O único real motivo para ficar longe de pão, massa, pizza ou laticínios é quando você tem problemas digestivos ou alguma sensibilidade. Caso contrário, por que viver com medo de uma das coisas mais deliciosas da vida?

Pão fresco do forno com manteiga derretendo aparece praticamente nos sonhos de todos nós com freqüência e não é nada para se sentir culpado.

Todos nós podemos comer pão e perder peso. É tudo questão de moderação, se comer 80% de alimentos magros não são os 20% que irão te destruir o seu corpo.

Não prive a sua felicidade, comer somente proteína ou viver se privando de tudo pode causar irritação e tristeza principalmente para as mulheres.

Seja feliz e dê ao seu corpo o que ele pede, mas com moderação.

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Treinar 2X ao Dia – Vale a pena ?




Há uma série de razões pelas quais as pessoas escolhem para treinar mais de uma vez em 24 horas , como a construção muscular ou de treinamento para uma Maratona. E, embora a pesquisa mostra o exercício regular é essencial para levar uma vida saudável, para algumas pessoas, um treino por dia é pouco.

Vários estudos compararam os efeitos na saúde de treinar uma hora por dia contra dividir o treino em duas sessões de 30 minutos. Quando se trata de adiposidade (um termo chique para gordura corporal) não está claro que treinar uma vez , duas, ou três vezes realmente faz a diferença.
 
Tudo se resume à intensidade e intenção de treinos, além disso, não podemos esquecer que os atletas de elite , muitas vezes treinam duas ou mais vezes por dia, quando estão treinando para um evento.

Para alguém que treina apenas para manter-se ativo e colher os benefícios do exercício treinar duas vezes por dia não é necessário. No entanto, é bom para a maioria de nós se for feito corretamente.
 
Há vantagens em trabalhar fora várias vezes por dia.
Sugerimos um treino leve bem cedo após acordar e outro treino duro para no final do dia, 30 a 45 minutos duas vezes por dia ainda é apenas 60 ou 90 minutos por dia , o que permite uma maior flexibilidade para as pessoas com agendas lotadas. Para iniciantes quebrar o treino em duas vezes pode ser encorajador para continuar praticando.



O importante é planejar os seus treinos quais as partes do corpo que quer treinar cada vez, ou fazer musculação em um e cardio no outro, acreditamos que treinar duas vezes por dia pode fazer mais benefícios a você!


Mas certifique-se de não fazer em excesso e causar danos musculares.

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Você precisa de sete minutos para ficar mais saudável !



 Conquistar o máximo de resultado com o mínimo de investimento é o sedutor apelo de uma série de exercícios que vem ganhando fama na internet recentemente.

Trata-se de um programa desenvolvido por dois especialistas em treinamento do Human Performance Institute, de Orlando (EUA), voltado para quem tem pouco tempo e não está disposto a investir em academia nem em equipamentos de exercício.

Depois de analisarem uma série de estudos sobre treinamento e boa forma, Brett Klika e Chris Jordan publicaram na edição de maio/junho da revista técnica "Health & Fitness Journal" um artigo apresentando um tipo de treinamento de "alta intensidade" com "uso do peso corporal".

Além de explicar a base científica do plano, o estudo propõe combinar exercícios aeróbicos (como corrida no lugar) com exercícios de resistência/força (como flexão de braço). Cada um é realizado por 30 segundos, em alta intensidade (tentando o máximo possível de repetições), e o intervalo de recuperação é de apenas 10 segundos.
Noves fora, o pacote todo dura apenas "aproximadamente sete minutos", conforme o texto descreve. O circuito pode ser repetido duas ou três vezes, dependendo do condicionamento do atleta e do tempo disponível.

Foi o que bastou para ser apelidado de "treino científico de 7 minutos" em texto no "New York Times" e, a partir dali, em uma fieira de lugares, do internético "Huffington Post" ao britânico "Daily Mail", e em publicações especializadas em boa forma.
Há vídeos gratuitos mostrando como executar a série e aplicativos com cronômetros digitais para monitorar a execução da tarefa.

Não se trata, porém, de uma série para prover força ou resistência específica para um esporte, destacam os autores: "Esse tipo de programa oferece uma boa opção para ajudar pessoas ocupadas a melhorar a saúde e enfrentar o estresse".
Monitorado pela treinadora Vivian Casagrande, 37, mestre em bioquímica do exercício pela Universidade de São Paulo, testei o pacote. Para garantir que eu fizesse os exercícios o mais rápido possível, Casagrande cronometrava as sequências e, nos intervalos, me avisava qual seria o exercício seguinte.

A primeira constatação: não é um circuito de apenas sete minutos. O tempo mínimo, no papel, é de sete minutos e 50 segundos, mas basta piscar ou pensar na morte da bezerra para que a transição dure mais que dez segundos.

Levei dez minutos e 20 segundos para completar a sequência, sem conseguir uma boa execução. Isso porque a série inclui alguns exercícios unilaterais; devem ser executados uma vez com cada perna, o que aumenta o tempo do circuito.
 
CONTRAINDICAÇÕES
Mesmo assim, entrar em forma com um programa de exercícios de menos de 15 minutos que não custa nada é altamente sedutor. Há, porém, diversas contraindicações, como assinalam os criadores do circuito: "É preciso cuidado ao propor treinamento de alta intensidade para pessoas mais velhas ou obesas, candidatos destreinados, com lesões anteriores ou problemas de saúde; os exercícios isométricos não são recomendados para quem tem hipertensão ou problemas cardíacos".


Para Casagrande, os exercícios, "são muito complexos para serem feitos sem orientação e supervisão". No teste, por exemplo, tive trabalho para fazer direito o exercício que combina flexão de braço e rotação do corpo.

O próprios autores alertam: "Ao tentar fazer tudo da forma mais rápida possível, o aluno corre o risco de fazer os exercícios de forma inadequada, aumentando a chance de lesão". De um jeito ou de outro terminei a série com os músculos pulsando, o corpo suado e a boa sensação de ter o dever cumprido. 

Fonte do Texto: Folha de São Paulo -
Demétrius Daffara /Editoria de Arte/Folhapress








sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Como se auto motivar para ter uma vida saudavél ?

Rotina de exercícios.
Planeje exatamente o que você vai fazer quanto tempo e quantas repetições, e escreva  isto,  vai te fazer mais propenso a cumprir o que planejou para si.
    
Recompensas.
Estabeleça metas e recompensas, por exemplo, fazer o treino 5 dias por semana durante 3 semanas ou incorporar mais vegetais em sua dieta ... Quando você realizar, não deixe de recompensar seu esforço, não com um bolo de chocolate, mas sim com uma roupa nova, um tênis novo, ou algo que queira muito...
    
Placa de Motivação.
Coloque em uma cartolina ou quadro de avisos citações inspiradores, ou imagens de alimentos saudáveis ​​, ou mesmo pequenos mini treinos ! Mantenha em algum lugar visível para um lembrete diário.
    
Companheiro de treino.
Ter alguém para fazer exercício e comer alimentos saudáveis é incrivelmente motivador. Pergunte aos seus amigos quem quer se juntar a seu estilo de vida saudável, Encorajando um ao outro para atingir os objetivos de vida saudável.Todos nós precisamos de um pouco de coragem quando bate aquela preguiça.
    
Tire Fotos e Medidas
Tire fotos de todos os ângulos diferentes para que você possa compará-los e ver como seu trabalho duro mudou seu corpo, tire suas medidas dos seus braços, cintura , coxas e anote, ao longo do período de emagrecimento você pode não emagrecer nada nas primeiras semanas, mas se verificar as medidas do seu corpo elas mudam com 2 semanas de treino.
    
Lembre-se que as vitórias não são em quilos
Diminuir o seu peso, não é o único indicador de progresso, fotos, medidas do corpo, aumentar as repetições do treino, ou quão longe você pode correr. Com treino você vai ter mais resistência, ficando mais forte é uma vitória incrível!
    
Encontre exercício e alimentação saudável que você ama.
Ninguém disse que um estilo de vida saudável tinha que ser chato! Se você não gosta de correr, faça kickboxing ou ioga ! Se você não gosta de comer salada todos os dias, há uma abundância de receitas saudáveis ​​, saborosos que você pode fazer sem sacrificar o sabor. Não há somente um caminho para uma vida saudável busque um que você se sente bem em poder fazer sempre.
    
Sentindo-se depois de um treino .
Sabe aquela sensação depois de um treino? Quando suas endorfinas pulam e fazem você se sentir completamente satisfeito? Sim, essa mesmo. Lembre-se! O exercício libera endorfinas que fazem você feliz. A sensação de dever cumprido, que este foi mais um dia que você conseguiu fazer o seu treino bem.
Existe melhor motivação do que isso? Lembre-se dela quando não quiser treinar.
    
Tempo para você.
Pense no seu exercício como tempo somente seu, é bem mais barato do que a terapia. Teve um dia duro? Vai para esteira, spinning ou parque e descarregue no treino, Você vai se sentir melhor , eu prometo.
    
Apaixone-se por si mesmo.
Seu objetivo final deve ser a de ser a sua versão mais saudável, mais feliz consigo mesmo. Esqueça a estética e se concentre em como você se sente. Elogie-se e abrace a sua beleza única. Apaixona-se por si mesmo e da forma você resolver  tratar do seu corpo, com muita comida saudável e exercício físico .

Espero que ajude você ! x

Kacie – tem um blog de saúde e felicidade
http://peanutbuttarunna.tumblr.com/